Política


Graciela pede a Estado monitoramento de presos em 23 cidades da região

Aplicativo vale para réus que cumprem decisões judiciais em liberdade 

10/05/2021

Gustavo Rodrigues /

Deputada Graciela pede ao governo do estado um sistema de monitoramento aos presos | Foto: Divulgação
Franca e mais 22 cidades da região administrativa podem receber em breve um sistema de monitoramento dos réus que estão cumprindo decisões judiciais em liberdade. A deputada Delegada Graciela apresentou indicação ao governador João Doria para que a Secretaria de Segurança Pública implante o aplicativo. 
 
De acordo com a deputada, a ideia surgiu com base em uma ação que foi colocada em prática na cidade de Sertãozinho, há cerca de dois anos. Em 2019, o Poder Judiciário local e a Polícia Militar lançaram o projeto VIDA (Vigilância, Inteligência, Defesa e Ação) que integra o sistema de segurança da cidade. 
 
Trata-se de um aplicativo utilizado para monitorar réus que estão cumprindo pena em meio aberto, incluindo os beneficiados com saída temporária, como nas festas de final de ano, e os que cumprem medidas protetivas da Lei Maria da Penha. Há ainda suporte para as vítimas de violência doméstica, que são cadastradas no sistema e podem pedir auxílio à PM. O projeto tem o objetivo de dar efetivo cumprimento às ordens judiciais, além de ajudar na ressocialização do preso.  
 
“Por meio do aplicativo, o policial militar consegue verificar se o réu está de fato cumprindo a medida judicial. Os resultados têm sido muito positivos.  Por isto, solicitei ao governador que o projeto seja implantado na nossa região para ajudar a combater e prevenir a criminalidade.  A medida é de extrema relevância e virá ao encontro do anseio de toda a população que deseja viver com mais segurança e tranquilidade”, disse Graciela.